Vereadores buscam em Brasília a reabertura da maternidade do Hospital São Marcos
Política

Vereadores buscam em Brasília a reabertura da maternidade do Hospital São Marcos

Reabertura do Hospital São Marcos e construção da segunda ponte em Nova Veneza: essas são as principais pautas pelas quais os vereadores progressistas de Nova Veneza foram a Brasília. A segunda ponte é uma necessidade para o município se desenvolver de forma organizada e desafogar o trânsito do centro. Já a reabertura da maternidade é um desafio antigo dos vereadores Evandro Gava, Bete Bortolotto e Zelindo Moretto, que está tomando forma e força.

Conforme o presidente Evandro Gava, os vereadores entraram em contato com a direção do hospital, que se comprometeu em buscar o credenciamento necessário para a maternidade. Também tiveram uma conversa com a deputada federal Ângela Amin, que irá em busca de oficializar isso junto ao governo do estado. “Esta causa me motiva muito porque estamos falando de pessoas e saúde que tem tudo a ver com o meu propósito na política” afirmou Ângela.

Em visita ao gabinete do senador Esperidião Amin, os vereadores colocaram o presidente do Instituto Maria Schmitt, doutor Robson, e a deputada Ângela, em vídeo conferência. Nessa reunião saiu um cronograma de ações estaduais e federais para dar continuidade à demanda. “Vencida essa etapa de credenciamento, iremos até o Ministério da Saúde buscar apoio financeiro para reabrir de fato a maternidade. Aproveitamos para entregar a cada deputado de Santa Catarina ofícios pedindo apoio para as demandas da cidade e para viabilizar a reabertura da maternidade”, afirmou o presidente Evandro Gava.

Por Flávia Bortolotto

Todos os dias as notícias do
Portal Veneza no seu e-mail

Leia nossa política de privacidade para mais detalhes.