Cezar Martins

Qual é o verdadeiro significado do natal?

FESTAS DE FIM DE ANO -NATAL

Será que o natal é uma festa? Deveria ser, pois comemoramos um aniversário; mas de quem? Será que todos nos lembramos do aniversariante? Infelizmente, acho que não! O apelo comercial é muito grande e isso causa algumas tristezas e frustrações. Logicamente, estou considerando somente os meus sentimentos, mas talvez muitos compartilhem comigo tal sensação. Se tivéssemos somente a inspiração religiosa, talvez as músicas alusivas à época e outros apelos não tivessem um significado tão “baixo astral”, mesmo tendo condições econômicas para presentear aqueles que nos são queridos. Portanto, fico a imaginar e me compadeço com isso, como que se sentem os menos favorecidos e desamparados nesta época? Sabem por que me sinto assim? Porque de uma forma ou de outra, sinto-me responsável (ou mesmo omisso) pelo que acontece, apesar de saber que não é bem assim. Resumindo: tenho certo constrangimento íntimo em ser totalmente feliz. Será que é um trauma de infância? Talvez, mas não vem ao caso.

Prezados leitores, não se deixem influenciar negativamente pelo texto acima. Apenas, entendam que é a forma mais sincera que encontrei de externar meus sentimentos e desejar-lhes um FELIZ NATAL, em paz com Deus e o pensamento voltado ao próximo.

ANO NOVO

Ufa! O natal ficou para trás: correria, “stress”, amigo(s) secreto(s), compras, dúvidas (onde e com quem vou passar o natal?), excesso de trabalho na maioria das atividades, cansaço e noites mal dormidas. Ih, esqueci o presente do fulano! Tudo isso não tem mais importância, o ANO NOVO está chegando.

Esperança: se o ano que termina foi bom, o próximo será melhor ainda; se foi ruim, tudo vai melhorar. Votos/promessas/desejos: saúde, sucesso, felicidade, parar de fumar e/ou  beber, emagrecer, estudar mais, ser um pai, filho ou marido melhor, perdoar, ser perdoado, economizar, casar, ter um filho, voltar-se mais para Deus e aí vai… Superstições: usar roupas novas e de cores branca e/ou amarela, saltar sete ondas, não mudar de ano sem dinheiro no bolso, lençóis novos, saltar somente com o pé direito na hora da passagem e muitas outras. Relativamente à alimentação, temos a lentilha, romã, uva, carne de porco, nozes, avelãs, castanhas e tâmaras, entre outras.

Assim, a passagem de ano e a semana que a antecede se traduzem em alegria, esperança e confraternização geral. Tiramos das costas todo o peso acumulado durante o ano que se vai e entramos no seguinte muito leves e com as “baterias recarregadas”.

Portanto, desejo a todos os leitores, amigos, colegas de trabalho,  aos parceiros deste portal, extensivo aos colegas colunistas, aos meus ex-confrades da Confraria Pan & Vin aqui “da Veneza” e, em especial, à minha grande amiga e parceira de negócios Edna Machado, empresária do ramo gastronômico, representado pelos seus três estabelecimentos, denominados “EDNA RESTAURANTE – Cozinha de Mãe”, em Criciúma, incluindo uma padaria/confeitaria, dos quais me orgulho de fazer parte como consultor, um FELIZ ANO NOVO E QUE TODOS OS SONHOS SE REALIZEM.

Aproveitando o ensejo, segue a receita de um prato tradicional da virada do ano

O hábito de comer lentilhas na entrada de ano novo é comum em todo o Brasil e países da América do Sul. Segundo alguns estudiosos, o costume foi trazido pelos imigrantes italianos. Os grãos, por terem um formato semelhante a moedas, sugerem prosperidade financeira.

LENTILHA FESTIVA

Ingredientes:

  • 250 g de lentilha (não precisa colocar de molho)
  • 250 g de bacon defumado em cubos de 1 cm de lado
  • 250 g de linguiça calabresa fininha em fatias de 1 cm
  • 250 g de costelinha suína defumada em pedaços
  • 3 batatas e 3 cenouras médias picadas em cubinhos
  •  1 cebola média e 3 dentes de alho picados bem fininho
  • 1 folha de louro, salsinha, cebolinha,óleo, sal e pimenta do reino

Modo de preparo:

  • Numa panela média, coloque a lentilha para cozinhar com 3 dedos de água acima do nível;
  • À parte, ferva as carnes por 3 minutos, escorra e reserve (verifique se a costela está macia, se não, cozinhe por mais tempo);
  •  Numa frigideira, com 3 colheres de sopa de óleo, refogue o alho, a cebola e o louro, acrescente à lentilha quando estiver amolecendo e deixe ferver em fogo baixo por alguns minutos;
  •  Acrescente as carnes e ferva por mais 5 minutos, colocando então os legumes. Acerte o ponto, se necessário, com água e deixe cozinhar por mais 10 minutos, sempre em fogo baixo. Desligue o fogo de deixe descansar por 1 hora.
  •  Retorne ao fogo, acerte o sal, pimenta e o ponto (o caldo deve ser um pouco grosso). Desligue o fogo e acrescente salsinha e cebolinha picadas a gosto. Está pronto para servir.
  •  Acompanhe com arroz branco, couve refogada, gomos de laranja e farofa.
  • Serve até 25 pessoas, uma vez que nessas ocasiões existem outros pratos e que o consumo dessa iguaria é mais simbólico. Boa sorte!

 

You must be logged in to post a comment Login

Topo
NOSSAS NOTÍCIAS NO SEU E-MAIL
Receba uma vez por dia no seu e-mail, as notícias do Portal Veneza
Suas informações nunca serão compartilhadas com terceiros.