©Willians Biehl
Por Willians Biehl

Policiais militares de Nova Veneza foram até o bairro Bortolotto durante a festividade de ano novo, para conter o ex-companheiro de uma mulher, de 31 anos de idade.

Conforme relato da PM, assim que chegaram ao local os policiais encontraram a vítima desesperada, afirmando que seu ex-companheiro, de 31 anos, estava dentro da residência onde ela estaria morando atualmente, junto com sua filha de um ano e seis meses.

A mulher relatou que estava na casa do vizinho com amigos esperando a virada do ano, quando o homem apareceu em visível estado de embriaguez e começou a fazer piadas e insinuações contra ela, na tentativa de evitar uma briga, a mulher saiu do local carregando a filha e foi para casa, na sequência, o agressor teria ligado e a ameaçado de morte, em desespero ela correu até a casa onde estava anteriormente para pedir ajuda, neste momento o homem retornou até lá e tentou agredi-la. Para evitar a agressão os amigos tentaram impedir o homem, que começou a brigar com todos que estavam no local.

Logo após a confusão o suspeito foi até a casa da ex-companheira e lá se trancou, não deixando a mesma entrar na residência. A guarnição tentou contato com o homem, que já saiu da casa gritando e xingando os policiais. Diante da situação o rapaz acabou sendo detido e encaminhado para a Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI) em Criciúma.