“Filho meu,

Eu sei que já não pensas na melhora ou em milagres, e que agora só pensa no abismo em que te encontras. Eu sei que já não olhas mais para mim e não consegues enxergar meus olhos, que continuam virados para ti. Sei que andas pensando coisas vãs, buscando dar sentido em tua vida, se consumindo do que te faz mal e não pensando mais nas consequências, pois está em teu limite.

Eu sei, também, que te olhas no espelho, e sente raiva de si mesmo, pois só consegue enxergar a podridão, e sente um vazio constante, que dilacera a alma, mas quando olho para ti eu consigo enxergar uma pessoa doce e capaz de superar tudo, pois meus olhos são sensíveis. Eu ainda enxergo aquela criança que rezava todas as noites me contando como foi o dia.

Eu sei que tu pensas que ninguém te escuta ou entende teu sofrimento, mas eu entendo e sinto. E essa dor que te assombra, me rasga todas as vezes que te vejo pedindo socorro no silêncio do seu quarto, aos prantos, soluçando e chorando, desesperado. É lá que se encontra a via dolorosa.

Fala comigo, filho meu, eu escuto tua voz, já faz tempo que não ouço tu me chamares de Pai, abre o teu coração para mim, pois o meu coração está escancarado a ti. Eu te consolo e te abraço. Coloca teus medos sobre mim, põe, igualmente, tuas dores, teus tormentos, e aquilo que te fere. Eu estou contigo em todos os momentos, e mesmo que aches que eu me esqueci de ti, eu estou ao teu lado segurando a tua mão. Segurando a tua mão, de tal maneira, que em todas as vezes que pensas em acabar com tudo o que te lança ao caos, por meio da morte, eu te faço pensar nas coisas boas que a vida tem a te oferecer e então você cai de joelhos soltando as armas que iriam tirar a tua vida.

Confia em mim. Deixa eu te restaurar e transbordar teu coração com vida abundante. Não desista de ti, pois eu nunca desisti e insisto em te fazer feliz. Eu quero colocar um fim nessa situação, trazendo paz para o teu interior. Colocarei pessoas em tua vida que lhe ajudarão a passar pelos obstáculos. Não deixa as circunstâncias da vida te fazerem desmoronar, eu vou te edificar e fortalecer.

Peço que não te desanimes, eu sou aquele abraço no final de um dia pesado, um sorriso de um desconhecido na rua, o elogio disfarçado. Se tu pensas que não é amado, é rejeitado e sente-se abandonado pelas pessoas as quais tu ama, volte-se a mim, acredita em meu nome e nas coisas que posso fazer. Eu sou um Deus de amor, deixa eu te amar!

Sempre estou contigo. Em todos os momentos. Nunca esqueças de minhas palavras, eu te faço livre para viver bem.”

“Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.” (Mateus 11:28)

Deus é o nosso refúgio supremo, mas ele capacita homens a nos auxiliar com nossas dores. Procure um especialista, um médico ou psicólogo. Fale de seus problemas com quem confia. Seja livre para falar sobre o que te aprisiona. Você é forte e muito amado. Acredite!

Essa música é para você, Filho Meu!

Graça e paz, até a próxima!

http://twitter.com/goj_pg
http://Instagram.com/proclamandoagloria
http://facebook.com/proclamandoagloria
http://YouTube.com/FamíliaPG