Por  Redação Portal Veneza

Grupo Guglielmi realizou negociação após 55 anos sob administração.  

Oficialmente apresentado pelo presidente Dr. Leandro Avany Nunes, nesta quinta-feira, dia 12 de setembro, a Unimed Criciúma e o Hospital São João Batista unificaram suas operações. O nome será mantido e a Unimed passa a responder por todas as ações, supervisão e direção do Hospital São João Batista.

“A Unimed possui um modelo de gestão muito específico, tem todas as certificações e esperamos que no máximo em seis meses a um ano, o Hospital tenha o padrão de qualidade do programa Unimed de saúde”, declarou o Dr. Leandro Avany Nunes.

O Hospital São João Batista continuará com atendimentos eletivos, de pacientes de todos os planos de saúde e particular. A quem já possui plano de saúde Unimed, poderá também ser atendido no Hospital São João Batista.

Foi construído em 1963, uma época em que existia a necessidade de mais complexidade e apresentava demandas crescentes em saúde.

Em 1998, realizou a aquisição da primeira máquina de hemodinâmica de toda a região, passando a ser referência em cardiologia, o que se mantém até os dias atuais. Visando um atendimento com ainda mais qualidade, passou a ser o primeiro e único serviço regional com cardiologista de plantão, em tempo integral.

“Vamos investir na área de cardiologia, que é uma área prioritária e representa 10% dos atendimentos no Brasil. A maior causa de morte, fora as neoplasias, são as cardiovasculares e quando ele é atendido rapidamente conseguimos salvar mais de 90% dos pacientes”, destacou o Dr. Leandro Avany Nunes.

Outra referência para o São João Batista nos últimos anos foi a implantação de um bem sucedido serviço de partos humanizados, com grande demanda.

“O quadro de funcionário do São João Batista continuará o mesmo e somará todo conhecimento com a equipe da Unimed, para tornar este hospital cada vez melhor e mais eficiente.”, afirmou o presidente.