Dos desejos,
Que uma vida pode trazer,
Lhe rever,
Talvez seja o maior deles!

Das duvidas,
Que o mundo promove,
A maior de todas,
Ainda pode ser o porquê,
Apenas permanecer!

Dos encantos,
Que muitas pessoas descrevem,
Talvez incertos desconhecem,
Ou talvez desconheço,
Todo o mundo que está disponível!

Do mundo,
Pouca coisa descrevo,
Entre sonhos perdidos,
Desejos mal contados,
Ou quem sabe mal aproveitados,
Que morreram por ai!