Amanheceu mais uma vez,
E a certeza de querer,
Sem saber o que perder,
Falou mais uma vez,
Sobre tudo que já imaginava!

Amanheceu mais uma vez,
E as flores,
Os pássaros,
E tudo que da cor ao mundo,
Sorriram para o sol!

Amanheceu mais uma vez,
E vozes falaram alto,
Tudo aquilo que um dia,
Foi pedido para se transformar,
Em sonhos!

E no amanhecer,
Despertou-se junto,
A vontade e a razão,
Toda exatidão,
Que até então,
Permanecia adormecida!