©Willians Biehl
Redação Portal Veneza

Nova Veneza terá R$ 5,4 milhões para pavimentar ou repavimentar vias do município que sofrerão a intervenção de obras de saneamento.

A governadora em exercício Daniela Reinehr assinou o convênio que garante o repasse de recursos da Casan para as obras no município do Sul Catarinense. O chefe da Casa Civil, Douglas Borba, a diretora-presidente da companhia, Roberta Maas dos Anjos, e o prefeito Rogério Frigo também assinaram o documento, em ato realizado na Câmara Municipal na noite da última terça-feira, 7.

“É com grande alegria que faço meu primeiro ato como governadora em exercício em Nova Veneza. Estamos entregando obras tão importantes, que vão melhorar a infraestrutura e desenvolver a vocação turística, com esse dom que Nova Veneza tem de encantar as pessoas”, afirmou Daniela.

Ela destacou a melhora na gestão da Casan, que reverteu um prejuízo em 2018 para um lucro líquido de R$ 106 milhões em 2019. “Nós nos sentimos muito seguros quanto à qualificação dos nossos gestores, nossos secretários, nossas equipes técnicas. O resultado está aparecendo e ver a felicidade das pessoas ao receber esse investimento é algo que não tem preço. Ainda estamos organizando a casa, mas já temos feito entregas importantes e muito mais está por vir”, frisou a governadora em exercício.

O prefeito Rogério Frigo comemorou a concretização da negociação. “Acabamos de assinar um contrato há poucos dias lá na Casa Civil, que somando com esse convênio totaliza aproximadamente 46 milhões de reais para o município de Nova Veneza. Só imaginem o que isso representa para nossa cidade e são obras que a população vem cobrando no dia a dia. Qual é a cidade que não quer ter seu saneamento básico?”, questionou Frigo.

“Hoje um jornalista me pediu o que é que tem de saneamento em Nova Veneza; tem aquilo que todos os prefeitos fizeram, foi levando para frente foi tentando amenizar os problemas dentro das comunidades, mas nós não temos na verdade nada. No passado chegamos próximo de sermos contemplados através da Funasa do Ministério da Integração na época, mas nada aconteceu, mas hoje graças a Deus agora chegou a vez de Nova Veneza,” continuou o prefeito.

Do montante destinado para Nova Veneza, R$ 2,6 milhões serão investidos na pavimentação de 3,8 quilômetros da rodovia Imigrante Giuseppe Gava (NVA-155), que vai da localidade de São Bento Alto ao limite com Siderópolis, no acesso à barragem do Rio São Bento. Com o asfalto, ficará mais fácil o acesso das equipes de manutenção e vistoria. O reservatório garante a segurança no fornecimento de água para Nova Veneza, Siderópolis, Criciúma, Forquilhinha, Içara e Maracajá, beneficiando 500 mil pessoas.

“Nós passamos todo o ano de 2019 planejando investimentos para Nova Veneza. No fim do ano, assinamos o contrato de programa, que prevê cerca R$ 50 milhões para o município, ao longo de 30 anos. O Governo do Estado e a Casan estão muito próximos de Nova Veneza e queremos continuar melhorando o saneamento daqui”, destacou a diretora-presidente da Casan.

Investimentos no Caravaggio

O restante dos recursos será aplicado no distrito de Caravaggio. Aproximadamente R$ 2 milhões serão destinados à pavimentação asfáltica da Avenida José Ronchi e parte da Rua Antônio Milanez. Os recursos incluem o custo para realocar 5,2 mil metros de redes e adutoras para a calçada, facilitando consertos e preservando o asfalto.

Outros R$ 775 mil servirão à repavimentação asfáltica da rodovia José Spillere, que também está recebendo obras do sistema de abastecimento de água.