Meu filho está usando droga: o que eu faço?
Saúde

Meu filho está usando droga: o que eu faço?

O uso de drogas é uma das maiores preocupações entre os pais, que sempre orientam os filhos desde pequeno a evitá-las, para não entrar em um caminho que leva a consequências desastrosas, fazendo com que seja necessário a internação em uma clínica de recuperação.

Apesar de todas as orientações, infelizmente a situação pode acontecer. Caso você esteja desconfiando que o seu filho tem feito o uso de drogas, esse post irá te orientar nos passos que você deve tomar.

Continue lendo e saiba como identificar se o seu filho está fazendo o uso de drogas, o que fazer e como uma clínica de recuperação e reabilitação pode ajudar!

Como saber se o seu filho usa drogas?

Na correria do dia a dia, e no curto período de tempo que os filhos tendem a passar com os pais, é mais difícil identificar se o seu filho é um usuário de drogas. Por esse motivo, é fundamental que os pais estejam atentos e presentes na vida dos filhos.

Confira uma lista com algumas mudanças de comportamento que você deve ficar atento, assim, você conseguirá reconhecer quando seu filho precisa de sua ajuda e da clínica de reabilitação de drogas.

  • Isolamento: caso seu filho tenha se isolado da família e amigos e passe a maior parte do tempo sozinho, esse pode ser um sinal;
  • Gastos diferentes com o dinheiro;
  • Sumiço de objetos em sua residência;
  • Agressividade;
  • Mudança de apetite;
  • Mudança de horários;
  • Desmotivação.

Caso você descubra que o seu filho é um usuário de drogas, é de extrema importância tomar decisões de agir de uma forma adequada que irá beneficiar  o dependente. Procurar um tratamento para dependente químico é essencial

O que fazer?

Ao identificar o problema, tente manter a calma o máximo possível — principalmente para que o seu filho te escute e seja compreensível com as alternativas sugeridas.

Tente ser amigo de seu filho, a dependência de drogas é uma doença e tem tratamento. Apresente outros caminhos ao seu filho, como é o caso da internação voluntária.

Conte com profissionais da área da saúde para lidar com esse tipo de caso.

Procure por tratamento em uma Clínica de Recuperação

Depois de consultar especialistas, incluindo psicólogos, procure por uma clínica de recuperação feminina ou masculina de qualidade, confiança e que conte com profissionais qualificados.

Não facilite o tratamento para o seu filho, nesse momento delicado, o acompanhamento e um tratamento severo fazem toda a diferença. Peça ajuda a outros familiares, amigos e profissionais!

Todos os dias as notícias do
Portal Veneza no seu e-mail

Leia nossa política de privacidade para mais detalhes.