Por Redação Portal Veneza

Verão perfeito: razões para escolher o Mediterrâneo Diversão garantida.  

Diversão garantida

Se gostar de beber uma cervejinha ou um copo às tardes ou depois de jantar, sem dúvidas no Mediterrâneo você se sentirá em casa. Eles são especialistas em matéria de festas!

Águas cristalinas

Não existem águas mais claras que as do mar Mediterrâneo, que são de cor azul-turquesa. O Caribe, O sudeste Asiático, e mesmo o Brasil não possuem mares tão cristalinos.

Gastronomia maravilhosa

Uma das principais razões para conhecer esta parte do mundo é que as comidas são realmente um sonho.

Peixes de todo tipo, frutos de mar, verduras e frutas de todas as cores compõem o cardápio mediterrâneo. Não se esqueça dos vinhos!

Sol quase todo dia

Os dias são muito longos e dá para aproveitar muito. O sol sai cedo, ao redor das 6 da manhã, e vai embora por volta das 22 horas da noite.

Além disso, quase todos os dias são ensolarados, pois as chuvas são muito escassas de junho a setembro.

Segurança

Para curtir o verão europeu de forma tranquila, nada melhor do que se sentir seguro. No Mediterrâneo isto não será um problema. Quase não existem assaltos à mão armada ou violentos. Claro que pode acontecer algum furto, mas é só tomar um pouco de cuidado.

 Ambiente cosmopolita

Já pensou que poderia falar inglês, francês, italiano ou espanhol no mesmo lugar? Ao viajar ao Mediterrâneo isto é muito comum. Além das línguas, poderá conhecer costumes das diferentes culturas.

 Melhores destinos do Mediterrâneo

  • Santorini. A cidade grega é um lugar paradisíaco, caracterizado por ter construções brancas com tetos e cúpulas azuis que parecem cair dentro das águas cristalinas do mar Mediterrâneo.Além de paisagens incríveis, este vilarejo tem hotéis luxuosos e praias maravilhosas.
  • Malta. Muito perto do sul da Itália fica a Malta, que oferece prédios históricos e cenários para se desconectar da correria do dia a dia. O país é um arquipélago composto por três ilhas: Malta, Gozo e Comino. O melhor é se hospedar em alguma delas e passear pelas outras de navio para conhecê-las em profundidade.

  • Córsega. A quarta maior ilha do Mediterrâneo é uma interessante mistura entre belas praias e lugares históricos, pois foi em esta parte do território francês onde nasceu Napoleão Bonaparte.

  • Positano e Amalfi. A costa amalfitana é um lugar que não pode faltar no seu roteiro ao viajar ao Mediterrâneo. Amalfi é a cidade mais importante da região e, segundo a lenda, foi criada pelo mesmíssimo Hércules como presente para uma das suas amantes de olhos azuis quanto o mar. A 18 quilômetros se encontra Positano que, além de praias e sítios históricos, tem grutas com pinturas rupestres.

  • Capri. Um dos lugares mais visitados por turistas do mundo inteiro, esta cidade italiana possui incríveis praias, praças e igrejas católicas. Também é um canto para passar noites românticas, jantando a beira do mar, ou bem curtindo as boates e os bares com artistas locais.

  • Ilhas Baleares. A Maiorca, a Menorca, Formentera e Ibiza são as quatro ilhas principais que compõem este arquipélago espanhol. Pensou que eram somente águas cristalinas e areias brancas? Errou! Pois nas Ilhas Baleares poderá desfrutar das melhores festas e celebrações até o sol raiar.

Conselhos para desfrutar sua viagem ao mediterrâneo

Leve roupas adequadas. Durante o verão europeu não vale a pena colocar muito a mala, pois o calor é intenso e só utilizará tecidos leves. Claro que durante as noites pode esfriar um pouco. Levar casaco é sempre uma boa ideia.

Carregue uma mochila com o indispensável. Quando sair para percorrer os diferentes lugares, leve uma pequena mochila com seus documentos, protetor solar, água, hidratante para os lábios, chapéu, biquíni ou short de banho, chinelos e um tecido para se deitar na areia.

Respeite os horários. Na maioria dos países europeus as pessoas são pontuais. Por este motivo, ao viajar ao Mediterrâneo, sempre confira bem os horários e se ajuste a eles.

Leve mapas. Para evitar se perder nas pequenas ruas e estradas das ilhas

Use calçado confortável. Não se esqueça de que na maioria dos locais a geografia é montanhosa. Uns bons ténis o ajudarão muito.

Lembre-se do seguro de viagem internacional

Uma dica muito importante ao planejar sua viagem ao Mediterrâneo é contratar uma cobertura acorde às suas necessidades e aos requerimentos dos destinos. Tenha em conta que a maioria dos países da região faz parte do Tratado Schengen.

Este acordo estabelece que os turistas estrangeiros devem contar obrigatoriamente com um seguro de viagem internacional de pelo menos 30 mil euros de cobertura. Mas, independentemente de este requerimento, a cobertura oferece segurança e tranquilidade.