Grandes destaques do poker catarinense em 2019
Jogos VXP

Grandes destaques do poker catarinense em 2019

Grandes destaques do poker catarinense em 2019

Em 2016, Santa Catarina atingiu o topo do poker nacional. Na ocasião, o Estado foi campeão do Campeonato Brasileiro de Poker por Equipes (CBPE) pela primeira vez desde a sua criação (2013). A inédita conquista celebrou uma geração de excelentes jogadores da elite da modalidade no Brasil.

Três anos depois, Santa Catarina não ficou para trás. Desde a conquista no CBPE, o Estado segue com excelentes jogadores a nível internacional e a temporada de 2019 está consolidando ainda mais esse status.

O primeiro do ranking online brasileiro é catarinense

Grandes destaques do poker catarinense em 2019

Uma revelação do poker nacional nos últimos anos, Geraldo César é uma fera na modalidade online. De Joinville, o jogador já tem quase US$ 5 milhões acumulados em premiação e conta com uma trajetória especial em 2019.

Geraldo subiu demais no ranking e foi direto para a primeira colocação do poker nacional — de acordo com dados do site PocketFives (conteúdo em inglês), que é a principal referência no assunto.

“Não imaginava um ano desse. Não me esperava no topo do ranking, entrar no top 5 do PocketFives foi incrível, algo que não esperava”, afirmou em entrevista para o site SuperPoker.

Atingir a primeira colocação do ranking nacional é algo extremamente complicado, ainda mais tendo em conta que só no Brasil são 2.746 jogadores registrados e ranqueados no ranking online.

Além disso, o Brasil é uma grande potência do poker online e a primeira colocação de Geraldo naturalmente lhe traduz em ótima posição global e atualmente ele está em quarto.

Apesar de ter um foco na modalidade online, Geraldo César já confirmou presença para disputar o BSOP Millions, etapa que marcará o encerramento do Campeonato Brasileiro deste ano. O torneio será realizado na capital paulista entre o fim de novembro e o início de dezembro.

“Com certeza estarei presente e com o time em peso. A expectativa é a melhor possível, principalmente porque teremos quase 70 jogadores no BSOP Millions. Ansioso pelos meus resultados e pro time também”, afirma o jogador.

Outro catarinense na elite do poker online nacional

Grandes destaques do poker catarinense em 2019

Além de Geraldo César, Santa Catarina conta com outro “monstro” na modalidade disputada online: Fabiano Kovalski. De Florianópolis, o jogador está com a segunda colocação do ranking nacional.

Fabiano vive atualmente o auge da carreira com a 14ª colocação global. Assim como Geraldo César, ele também é bem versátil e consegue se destacar contra os melhores do mundo nos torneios ao vivo.

Em agosto do ano passado, o catarinense atingiu um dos grandes resultados do ano no poker nacional ao ficar com a 11ª colocação do Main Event do European Poker Tour realizado na paradisíaca Barcelona.

Com o resultado, Fabiano levou para casa cerca de US$ 115 mil em premiação. Neste ano, o jogador voltou a disputar o torneio na capital catalã, mas não repetiu o mesmo sucesso.

Só em torneios disputados na internet, Fabiano tem a premiação que beira os US$ 4 milhões ganhos na carreira.

O novo campeão mundial é catarinense

Apenas seis brasileiros já tiveram a honra de conquistar um título no World Series of Poker (WSOP). Circuito que é o mais forte de todo planeta, neste ano foi a vez do Brasil ganhar dois torneios e um deles teve um catarinense como campeão.

Na ocasião, Murilo Figueredo, da cidade de Penha, ficou com o título em uma modalidade chamada Mixed Games. A conquista elevou a carreira do catarinense a um novo patamar e agora ele está ao lado de Yuri Martins, Roberly Felício, Thiago Decano, André Akkari e Alexandre Gomes como os únicos brasileiros campeões do circuito.

“Eu sempre acreditei no meu potencial. Assim, não querendo ser arrogante, mas sempre fui confiante que ganharia um bracelete algum dia. Não esperava que seria tão cedo assim, pois é muito caro vim pra cá e jogar e tudo é em dólar” afirmou Murilo em entrevista após a conquista história.

Ex-tenista, Bruno Volkmann segue em grande momento

Grandes destaques do poker catarinense em 2019
Bruno_Volkmann

Quando mais jovem, o catarinense Bruno Volkmann tentou a carreira com a bolinha amarela, mas o projeto não deu muito certo. Ao trocar o tênis pelo poker, ele despontou como um dos melhores do país nas cartas.

De Blumenau, que fica a quatro horas de distância de Nova Veneza, Bruno já tem mais de US$ 5 milhões ganhos online e continua jogando em altíssimo nível. Mais cedo no ano, o terceiro do Brasil no ranking online atingiu a 12ª colocação mundial.

Seguindo a tradição de jogadores versáteis no poker catarinense, Bruno está construindo uma carreira especial na modalidade ao vivo. Já entre os 25 mais bem pagos da história do poker brasileiro, em março deste ano ele ficou em segundo lugar num torneio mundial disputado no Rio de Janeiro.

Ao ficar em segundo em um grande evento com mais de 430 jogadores, Bruno ficou com a quantia de US$ 687 mil em sua maior premiação da carreira. Na mesa final, apenas três brasileiros conseguiram se qualificar.

Revelação de Santa Catarina, Gabriel Schroeder consolida boa temporada

No ano passado, poucos catarinenses jogaram tão bem quanto Gabriel Schroeder. O jogador despontou para a cena do poker nacional com excelentes resultados na modalidade ao vivo e online.

Apesar de não estar repetindo a temporada do ano passado, Gabriel tem tido bons resultados e mostrou mais uma vez porque é um dos melhores na arte de como jogar poker em alto nível.

O principal resultado do jogador neste ano foi em julho com um título no High Roller do Kings Series of Poker (KSOP), realizado em São Paulo. Ao ficar com a conquista, o catarinense embolsou R$ 300 mil.

Com 28 anos, Gabriel já chegou a ocupar a posição de número 131 do mundo e tem premiação que supera a marca de US$ 1 milhão.

Todos os dias as notícias do
Portal Veneza no seu e-mail

Leia nossa política de privacidade para mais detalhes.