DME de Nova Veneza conta com escolinha de atletismo infantil
Esporte

DME de Nova Veneza conta com escolinha de atletismo infantil

Treinamentos ocorrem no contra turno escolar e ensina novas modalidades esportivas para as crianças do município

Para incentivar a prática de atividade física entre as crianças, o Departamento Municipal de Esportes de Nova Veneza (DME), conta com a escolinha de atletismo infantil. Na pista do Complexo Esportivo Antônio Amboni, crianças com idade entre 11 e 14 anos dão os primeiros passos no esporte. Supervisionados pelo professor e maratonista Geraldo Da Luz, os adolescentes são apresentados ao salto à distância, 100 metros rasos, arremesso de peso e outras modalidades olímpicas.

O professor explica que os treinamentos são técnicos e os alunos são colocados em várias modalidades, para ver no que cada um se destaca. “Trabalhamos a coordenação motora, equilíbrio, impulsão, toda uma técnica para que eles saibam como funciona uma corrida, um salto, para que entendam que todas essas modalidades antes de competir, você tem que ter um forte trabalho. Conforme o atleta vai se destacando, nós encaminhamos para a equipe de rendimento, que é comandada pelo Roberto Bortolotto”, enfatiza.

Mas antes do rendimento, o objetivo da escolinha é incentivar as novas gerações a praticarem mais esportes e sair do sedentarismo e brincadeiras digitais. “Eles vão ter uma vida social e educação diferenciada com a prática do esporte, além da questão da saúde, que irá melhorar muito. Queremos mostrar para eles o lado bom da rua, de atividades esportivas, de saber que a atividade física muda a vida das pessoas”, pontua Da Luz.

Sem os Jogos Escolares Venezianos (JEVS) há dois anos, em virtude da pandemia, o DME buscou através da escolinha descobrir novos talentos. “Nós selecionamos os atletas nos jogos escolares, mas sem competição tivemos a ideia de chamar os alunos para a pista e estimular o surgimento de novos atletas na nossa cidade, foi onde criamos a escolinha de atletismo”, comenta o treinador.

Uma das crianças que participa na escolinha é a Maria Eduarda Formentin, de 11 anos, que participa dos treinamentos no período da manhã e à tarde se dedica aos estudos. Ela fala que espera ansiosa os dias de treinamento. “Gostei muito de começar a treinar, fiz novos amigos e me divirto bastante. Quero continuar por muito tempo aqui, faz bem. A gente fica muito feliz e aprende muita coisa”, conta. 

Como participar

Os pais que desejam matricular os filhos na escolinha devem ir até a sede do Departamento para realizar o cadastro. Podem participar crianças de 11 e 14 anos e os treinamentos são sempre no contraturno escolar. Pela manhã, das 9h às 10h e no período da tarde, das 14h às 15h. 

Por Leonardo Gava

Todos os dias as notícias do
Portal Veneza no seu e-mail

Leia nossa política de privacidade para mais detalhes.