Por Willians Biehl

Em áudio divulgado nessa terça-feira, 30, pelo WhatsApp, jovem ameaçou promover um atentado no colégio Sebastião Toledo dos Santos (Colegião) em Criciúma.

Assim que tomou conhecimento do áudio, onde o autor informa que no próximo dia 2 de agosto, iria invadir a escola e matar todos os alunos, a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa iniciou as investigações,  identificou e intimou o suspeito a comparecer nesta quarta-feira, 31, na DIC..

Conforme o delegado André Milanese, o jovem, de 18 anos, morador de Nova Veneza, confessou ter sido o autor do áudio e alegou ter enviado o material a um aluno do Colegião, durante uma discussão via WhatsApp. Ele afirmou que não pretendia concretizar as ameaças e que “falou apenas de boca pra fora”, não imaginando que seu áudio pudesse atingir à proporção que teve, razão pela qual logo em seguida enviou um segundo áudio desmentindo as ameaças.

Meses atrás a mesma pessoa se envolveu em fato similar no colégio São Bento, também em Criciúma, referente a uma postagem no Twitter realizada por outro aluno, que dizia que o rapaz pretendia matar os alunos do colégio,  tendo o fato relação com um bilhete enviado pelo autor no ano de 2017, quando ele estudava no São Bento.

O celular de rapaz foi apreendido para ser periciado, sendo instaurado contra ele um Termo Circunstanciado (TC), pelos crimes de ameaça e falsa comunicação de crime.