Ainda hoje,
Um grande senhor,
Falou sobre a vida,
Por uma perspectiva muito particular!

Ainda hoje,
Descobri que posso morrer,
Em um tropeço,
Ou em uma pedra,
Que insisti em ficar na cabeça!

Ainda hoje,
Ouvi falar sobre política,
Economia, avarias,
E umas porcarias a mais,
Que me fizeram ter um nó na cabeça!

Ainda hoje,
Posso ouvir tantas coisas,
Que por ouvir,
Me fazem reviver,
Coisas que ouvi outra vez!