“A vaidade é um princípio de corrupção” –  Machado de Assis

Cobrou

Na sessão dessa quinta-feira, 28, o vereador Claiton Zanzi demonstrou toda a sua frustração com a incompetência dos órgãos fiscalizadores, em evitar o tráfego de caminhões com excesso de peso na rodovia Monsenhor Quinto Davide Baldessar (SC-443), no distrito de São Bento Baixo. “Um joga pro outro,” desabafou.

Eles querem o Marini

O presidente da Adisi, Sérgio Marini, está sendo sondado pelo MDB e PSDB para se candidatar a uma cadeira no legislativo neoveneziano. Independente do partido que escolher, se ele realmente decidir encarar a campanha e vencer, com toda certeza quem ganhará é Nova Veneza, pois Marini é possuidor de grande credibilidade junto à população.

As opções

No MDB, a proposta para Marini é bem objetiva, ocuparia a vaga do vereador Claiton Zanzi, que decepcionado de como as coisas funcionam na política, não quer mais disputar uma eleição. Ideologicamente, Sérgio é mais alinhado ao PSDB, porém, para uma candidatura sólida, o ideal seria que Dalto Bortolotto saísse como vice-prefeito em uma eventual chapa pura tucana, deixando o espaço aberto.

Herdeiros do Dalto

Na verdade, se Dalto deixar livre a vaga de vereador, haveria aí uma ‘briga de foice’ para definir quem ficaria com seu espaço já consolidado. Na minha opinião, o ‘herdeiro’ não precisaria nem plantar, é só colher.

Tá querendo

Por falar em ocupar espaço, no Caravaggio, Valdirene Bortolotto poderá ser a aposta do PP para disputar uma vaga na Câmara de Vereadores no lugar de Samuel Milanez, o Bigode.

Não quer mais

O ex-vereador Valmor Ugioni, que segundo informações de tucanos, pretendia encarar uma nova eleição, por razões de saúde acabou desistindo da ideia.

Missão cumprida

O comandante do 28º GAC, coronel Sousa Neto, após dois anos chefiando a unidade, em 2020 terá como sucessor o tenente-coronel Brito Júnior. Declaradamente apaixonado por Nova Veneza, Sousa Neto sempre deu total apoio para o município em dezenas de atividades cívicas realizadas por aqui. Grande divulgador da Capital Nacional da Gastronomia Típica Italiana, foi o responsável pela primeira visita de um general na terra da polenta.

Muito obrigado

Dono de um aperto de mão ‘energético’ e após mais de 24 anos de serviço na Polícia Militar de Santa Catarina, o 3º sargento Geraldo Nazário (esq.), foi para a reserva remunerada (aposentadoria). Nova Veneza agradece ao período dedicado à nossa segurança pública. Muito obrigado!