No próximo dia vinte e oito de agosto uma historia de muito trabalho e conquista completa meio século.  O casal Adelino Ghislandi e Zelinda De Mattia Ghislandi com os filhos residiam na localidade de Rio Guarapari, há quatro quilômetros ao sul do centro de Nova Veneza. Em agosto de 1968 eles adquirem um imóvel comercial no centro de Nova Veneza, a esquina da Rua dos Imigrantes com a Rua José canela.

No dia vinte e oito daquele mês, a família se transfere para o local adquirido, mudando a atividade rural para comercial, para administrar seu próprio negócio. Uma trajetória de sucesso inicia com um armazém ou venda, ou seja, comercio de “secos e molhados” termos usados na época para este segmento comercial com bar anexo. O local era referencia comercial, os filhos cresceram acompanhando os pais no comércio.

Em 1979  com a participação dos filhos na sociedade, abriram seu primeiro supermercado, realizando um velho sonho do pai,colocando a disposição do município de Nova Veneza uma loja  auto serviço como lojas dos grandes centros. Assim nasceu a rede de supermercados Bistek. Da história para o agora, hoje, a rede não para de crescer, está presente em várias cidades do estado catarinense.

No registro fotográfico, a sala comercial adquirida em 1968 onde nasceu a rede Bistek. O nome “Bistek” deriva do apelido familiar, os Ghislandi são historicamente conhecidos por Bistek. A edificação foi preservada e pertence à família, hoje locada para a farmácia Gorini. e a DLD Modas. Parabéns pelo cinquentenário dessa bela historia do Bistek. “Bravi… Cin-cin…!!!”

SAN FILIPO & RANACOSKI

No domingo passado fui convidado para participar do aniversário do senhor Osvino Ranacoski na localidade de São Felipe no interior de Turvo. O evento aconteceu no salão de festas durante a própria festa do Padroeiro São Felipe, já que o aniversariante e um dos festeiros e assador oficial dos churrascos, que por sinal foi o melhor churrasco que já deliciei em toda a minha vida. No registro os irmãos Anísio, Vaníria, Alberto, Vanilse e o aniversariante Osvino popularmente conhecido por Bino. “Ghe stà una bona domènega…Grasie!!!”

RITORNO  A VENÈSIA

Uma família inteira neoveneziana que foi embora da capital mundial polenta na metade da década de sessenta volta para rever o local de origem. Filhos, genros e netos de Galdino José Godinho que trabalhava no extinto e famoso engenho de arroz do saudoso Mário Crippa passaram um dia em Nova Veneza para matar saudade da infância e adolescência. Hoje residentes pela região, em são Paulo, França e no Catar. “Mas, as raízes não da para esquecer” afirma Joceli Godinho que mora no Catar. “Benvegnù senpre!!!”

ADIO VALDIR RONCHI

Faleceu na última terça feira aos 73 anos, o senhor Valdir Ronchi nativo e morador da localidade de São José, Nova Veneza. Valdir era muito conhecido e tinha um legado de amigos e gostava de tocar gaita. Há três anos teve um AVC (Acidente vascular cerebral), estava enfermo desde ocorrido.

Foi uma luta constante da esposa Olivia Da Boit Ronchi e dos filhos e familiares para reverter o quadro, mas, infelizmente sem sucesso. Era meu amigo e na sua enfermidade sempre acompanhei mi resta dar as condolências aos familiares, parentes e amigos como Eu. A ele a paz no descanso do sono eterno. PAX

LA NOSTRA BELA CANTANTE A VENÈSIA

Na famosa ponte do suspiro em Veneza, a bela vocalista do grupo musical “Roba Da Ciodi” Caroline Cruz que recém retornou de uma turnê  da banda, que por três semanas se apresentaram na região do vêneto no nordeste da Itália. “Bon retorno al grupo!!!”

RODEIO, CAVAI E BELE TOZE

O décimo nono rodeio do CTG Fronteira da Serra que aconteceu no final de semana foi espetacular de publico, participantes nas competições campeiras e artísticas, shows e de belas mulheres. O evento confirma que Nova Veneza te vocação para todos os segmentos e a foto do José Luiz Ronconi testemunham a beleza de mulheres no evento. “Bravisimi!!!”

POENTA E RISO

Um grande abraço vai para o meu amigo e colega da capital do arroz Hideraldo Luiz Pietysch conhecido por Lalo de Turvo que, há muitos anos faz um excelente trabalho na imprensa sul catarinense. O meu abraço estendo a todos os meus leitores de Turvo. “Grasie a tuti quanti!!!”

OTO AMISI


Na última quinta-feira passando próximo a Barragem do Rio São Bento encontrei oito amigos do principado Caravaggiano fazendo o que mais gostam: churrasco, salada de radicci, pão, vinho e muita “ciacole” sobre toda a hierarquia e soberania governamental deste nosso Brasil varonil. Claro que no meio das conversas sai uns “porcozio…” Mamamia…!!!