Prefeitura
Colunistas

A voz do tempo

Ouvi o vento,
Ouvi o tempo,
Que na janela de casa,
Sussurrava baixinho,
Segredos da vida!

Um dia se foi,
Dois dias se foram,
O terceirou voou,
E o quarto dia nem vi!

Ouvi o vento mais uma vez,
Que continuava a falar,
Enquanto mais dias passavam,
Nas esquinas da vida!

Ouvi o vento,
Que já contava outras coisas,
Que não faziam mais sentido,
Pelos dias já não mais passarem,
Tão despercebidos!

Mundo das Cores
Ótica NSA
Padaria São Marcos
Despachante Ostetto
Mercado Pavan
Careás


Coopera rodapé
Topo