Por Mariane G. Rodrigues

“Por trás dessa farda existe um ser humano e que tem coração”, foi com essas palavras que o soldado Tiago Cardoso de Assis, que destacou a ação dele e do colega, Dalcione Rosso Correa. Segundo o Vereador Carlos Eduardo Ghislandi, que foi o autor da moção o gesto desses dois soldados foi algo humano. “Vocês merecem essa moção pois além do belo trabalho como policiais que vocês vem prestando ao nosso município, puderam mostrar o quanto vocês também são solidários. Parabéns pelo lindo gesto,” completou o vereador.

O gesto de solidariedade

Os soldados acima mencionados, foram acionados por uma vítima de furto, que relatou que teve sua residência arrombada e furtada em Nova Veneza. O homem ainda relatou, que recebeu informações sobre o local onde seus pertences estariam.

Os PMs então se deslocaram até o local, onde após conversarem com o suspeito, o mesmo confessou que os objetos furtados estariam dentro da residência onde mora com a mulher e mais sete filhos, entre eles, um bebê de apenas um mês de idade.

O rapaz que não possui passagem pela polícia, alegou que a atitude foi um ato de desespero, pois em casa não havia nada para oferecer para os filhos que estavam com fome. Apesar da situação, os policiais tiveram que cumprir a legislação e encaminhar o homem até a Central de Plantão da Polícia Civil em Criciúma, onde após os procedimentos foi liberado para responder ao processo em liberdade. Sensibilizados pela situação do casal, os dois soldados juntamente com alguns parceiros compraram alimentos e levaram para a família que estava necessitada.

A sessão contou com a presença do coronel Cosme Manique Barreto, comandante da 6ª Região de Polícia Militar, que prontamente elogiou a atitude dos soldados. Na oportunidade também participou da sessão o prefeito Rogério José Frigo.